terça-feira, 23 de outubro de 2012

WOLOLO! Corpse Party: Book of Shadows terá tradução oficial!


Quem gosta de jogo de terror? Quem gosta de visual novel? Sabia que dá pra gostar dos dois?

Corpse Party é uma franquia recente, originalmente lançada em 2009 no Japão pela 5pb, e são jogos de aventura para PSP (*cofcofvisualnoveldocaraiocofcof) onde um certo ritual para fazer a amizade de todos os alunos da sala acabou dando errado, e de algum jeito, foram parar numa dimensão paralela, onde eles estão sozinhos, sem qualquer chance de escapar da escola e ainda com um assassino à solta nas redondezas. Estes alunos, separados entre si por um outro estranho motivo, devem sobreviver neste novo e temível ambiente, tentando achar os demais colegas e amigos e evitar cair na insanidade com tantas almas dos alunos mortos anteriormente.

Basicamente, o segundo jogo da franquia, Book of Shadows, conta com histórias inéditas do mesmo universo do jogo, contanto a trama de outros personagens que passaram pelo mesmo que o grupo principal, além de casos e cenários originais da trama original, e claro, o True End "de verdade" do primeiro jogo (infelizmente você terá que jogar pra entender o que eu quis dizer).

Agora, a XSeed, a mesma empresa que traduziu o primeiro Corpse Party: Blood Covered e tantos outros jogos bacanas como Ys, Wild Arms, Lunar Silver Star Harmony e Half Minute Hero, confirmou que será responsável pela tradução de Book of Shadows neste final de ano, e lançará o seu jogo apenas em formato digital, e pra comemorar, se você ainda não jogou o primeiro jogo, a PS Store o disponibilizará para download por meros 10 dólares. Mas corra, pois esse preço vai durar só até o dia 6 de Novembro!


Corpse Party foi um jogo que no começo eu fiquei com o pé atrás, do tipo "Ah, esse jogo vai virar modinha"... graças à Kami-sama, eu estava redondamente enganado. Apesar de ter um número considerável de fãs, está longe de virar modinha, mesmo com os OVAs e um possível anime no ano que vem. O jogo é muito arrepiante, e tirando uma cena ou outra apenas, o jogo não é "trapaceiro" para fazer você morrer tanto para fazer você ficar com raiva, e acredite, o jogo até te "recompensa" em morrer. Conseguir o True End também não é uma das tarefas mais fáceis se você decidir ir às cegas e tomar decisões por você mesmo, pois mesmo os menores erros que você comete, uns até sem querer, afetam o final de um jeito que você não tem como prever.

Mesmo os OVAs sendo uma bosta (com todo o respeito, foi mal feito mesmo), o jogo merece ver visto com outros olhos, e se você ainda não jogou, melhor considerar jogá-lo imediatamente. O mangá tem boas críticas, mas gostei mais do jogo mesmo... sei lá né, é um daqueles casos xP

Mas em todo caso vale a pena conferir o jogo, e estando tão barato, é quase um pecado não conferir ^^


E isso é tudo pessoal. Até a próxima.
Out.

Um comentário: